domingo, 9 de outubro de 2016

Travel | Paris '16 #3

O terceiro dia em Paris começou cedo.
O plano principal para este dia era visitar o museu do Louvre.
Comprámos os bilhetes através da internet, aqui. Os bilhetes têm hora marcada, mas pelo que nos apercebemos, isso não importa muito, porque entrámos um bocadinho depois da hora que o bilhete dizia e ninguém se aborreceu.


Preço dos bilhetes para o museu do Louvre: €15. Até aos 25 anos (inclusive) é gratuito.

Tenho uma amiga que tem Paris como segunda casa e que me aconselhou a entrar no museu pela porta dos leões porque nunca tem fila, no entanto, embora tenhamos conseguido dar com a tal porta, não nos deixaram entrar por lá. Honestamente acho que tivemos azar e que o segurança / porteiro que estava de serviço simplesmente não foi com a nossa cara, porque antes de nós entrou um casal e uma senhora sem problema. O que vale é que na entrada principal - da pirâmide - também não estava uma grande fila e esperámos cerca de 10/15 minutos para entrar.


Conselho nº9: Tentem entrar no museu do Louvre pela porta dos leões, não tem fila nenhuma.


Já estávamos dentro do Louvre. Desorientadinhas de todo. Aquilo é gigante!
Inicialmente não percebemos muito bem o esquema daquilo e entrámos pela porta que vimos, que nos pareceu a única, mas que depois nos apercebemos que haviam mais 3, ou seja, 4 pavilhões gigantes para ver.
Estivemos uma manhã inteira à procura da Mona Lisa e do apartamento de Napoleão que, grosso modo, era praticamente o que lá queríamos ver.
Deviam ser 13h quando a fome apertou e nada de encontrar a amiga Mona.

Decidimos ir almoçar e fomos agradavelmente surpreendidas pelo preço de uma refeição dentro do museu. Almoçámos por 10€ um bagel, batatas e bebida e depois mais 2€ para o café. 

Conselho nº10: Almocem dentro do Louvre. Os preços são acessíveis.  

Depois de almoço lá nos apercebemos da existência das outras portas para visitar os outros pavilhões e lá conseguimos dar de caras com a tão famosa Mona Lisa. Já devem saber que desilude um bocadinho: é mais pequena do que se pensa e está sempre rodeada de dezenas de pessoas a tentar apreciar de perto e a tirar fotografias.


O museu é mesmo muito grande, já estávamos a ficar um bocado saturadas de arte. Eu não sou muito sensível e os quadros pareciam-me sempre o mesmo: cenas eróticas, mamas de fora e coisas que não lembram o diabo (tipo cenas de guerra com pessoas nuas no meio - whaaat?!?!?), mas adiante, até achei interessante as nossas - minha e das minhas duas amigas - interpretações de tais obras de arte!


Já estávamos mesmo fartas, mas não nos íamos embora sem ver o raio do apartamento do Napoleão. E ainda bem, porque quando finalmente demos com ele, vimos a melhor parte do museu! O apartamento tem mesmo um toque de ostentação como ainda não tínhamos visto. É tudo luxuoso e é impossível não nos imaginarmos a viver lá há centenas de anos a trás. Gostei muito.


Antes de nos despedirmos do Louvre tivemos de parar pela Maxim's e comer um macaron. Não era tão bom como o da Lenôtre que comemos na Torre Eiffel, mas era muito bom.

Concelho nº11: No fim de visitarem o museu do Louvre parem na Maxim's para comerem um macaron.

Preço dos macarons da Maxim's: €1,90.

Depois das 7h que passámos dentro do Louvre, mais 1h cá fora a tirar fotografias não ia fazer mal, certo? 

Saímos do Louvre já bem perto do final da tarde e como se não nos lembrássemos do que tínhamos sofrido no dia anterior a ir a pé da Torre Eiffel para ali, decidimos ir dali para o Arco do Triunfo a pé novamente, que é praticamente a mesma distância! Foi por uma boa causa: Paris. É impossível resistir-lhe.

Lá fomos nós por entre os Tuileries Garden e a meio caminho parámos para comer um crepe com Nutella que me soube muito bem. 

Quando demos por nós já estávamos nos Champs Elysées rodeadas de lojas enormes, cada uma de uma marca mais cara do que a outra. Resistimos-lhes porque queríamos chegar ao Arco do Triunfo ainda de dia. E chegámos. Com a luz mais bonita. As fotos falam por si.

Acabámos por hesitar em subir ao Arco do Triunfo, acho que agora estou um bocadinho arreprendida, dizem que a vista de lá é linda e acho que subir são cerca de €5, por isso... mas decidimos guardar meia dúzia de coisas para fazer quando lá voltarmos!


Se vos disse que ao subir os Champs Elysées resistimos a todas as lojas por onde passámos, na descida já não foi bem assim. Acabámos - por pura necessidade, acreditem! - entrar numa Zara para comprar uma camisola mais quente. Paris revelou-se mais fria do que esperávamos e o dia seguinte era dia de apanhar vento no rosto nos carrosséis loucos da Disney, portanto, foi uma necessidade. Para além dessa extravagância, acabámos por entrar numa loja tipo farmácia / perfumaria, a Monoprix, e comprar uns mimos. As minhas amigas renderam-se aos batons nude e eu tive de trazer um Embryolisse para fazer stock. Este creme é das poucas coisas que vi mais baratas em Paris. Na skin custa cerca de €10 e lá consegui comprá-lo por menos de €7. Já vos disse aqui o quão adoro este creme, por isso teve de ser.

Conselho nº12: Evitem comprar coisas que poderão existir em Portugal em Paris, são mais caras. No entanto, por exemplo, a cosmética francesa (Embryolisse, Nuxe, etc.) é consideravalmente mais barata lá. 

O jantar perto da meia noite no dia anterior deu-nos uma lição, por isso neste dia decidimos jantar pelos Champs Elysées, no Café de Roma. Tivemos de perder amor ao dinheiro e abrir um bocadinho mais os cordões à bolsa, mas enfim... faz parte e o risotto de cogumelos acompanhado de rosé até que me soube bem.


Posto isto,demos mais um dia como terminado e acabámos por regressar a casa de metro.

Amanhã é dia de partilhar convosco tudo sobre a minha ida à Disney :) Ansiosos? 

Vejam o dia 1 em Paris aqui.
Vejam o dia 2 em Paris aqui.

Passatempo a decorrer aqui no blog.
Passatempo a decorrer aqui no instagram.
Passatempo a decorrer aqui no facebook.
 

6 comentários:

  1. Adorei o post. Fiquei curiosa com o creme que falas-te
    Mega beijinho linda

    https://blogsimplethingsofmylife.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Embryolisse?
      Já fiz review dele aqui no blog :) Espreita, é mesmo bom :D
      Beijinho

      Eliminar
  2. Estou ansiosa por ver o post da Disney :D
    Já estou a tirar ideias para quando for a Paris :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Saiu ontem o post da Disney, Anocas :D
      Acho que fazes muito bem :D Leva-me contigo, adorei e quero voltar :D Beijinhos

      Eliminar
  3. 1.90€ cada macarron? Possaaaaa e eu que os como a 0.50€ e já me queixava que era muito! ahah :p Gostei muito das tuas fotografias e dicas, quando surgir oportunidade de ir lá venho aqui reler as dicas :p Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. PÁRA TUDO!!!!!!!!!!!!
      Onde é que os comes por 0,50 €??????
      Opah eu amo macarons, acho que é mesmo uma das minhas sobremesas favoritas :P E os da Lenotre valeram mesmo os quase 2€ :P
      As dicas ficam aqui eternizadas para todos os futuros visitantes de Paris :D
      Um beijinho grande*

      Eliminar

Obrigada por tomares esta Chávena de Charme!
Os comentários serão respondidos assim que possível, no mesmo post!